As explosões solares e sua influência na Terra/ The solar flares and their influence on Earth

Há mais mistérios entre o Sol e a Terra do que supõe nossa vã filosofia.

O meio interplanetário está em constante transformação. Ventos solares, por exemplo, podem chegar à Terra e provocar fenômenos como a Aurora Boreal, que ocorre no Pólo Norte. A Aurora Boreal se caracteriza por um brilho difuso acompanhado de uma “cortina” estendida em sentido horizontal.
O fenômeno é causado por uma tempestade magnética oriunda de explosões solares, que podem reagir com o nitrogênio e o oxigênio presente na Terra, fornecendo energia e retirando átomos da atmosfera. 

Quando algum elemento sai da Terra em direção ao espaço, essa interação é mais profunda. Foi o que aconteceu com o satélite SkyLab, em 1973”.
A outra interação possível é na  comunicações terrestres, especificamente a rádio. Isto porque a descarga eletromagnética provocada pela explosão de gases solares chega à Ionosfera terrestre. Em geral, o campo eletromagnético existente na Terra impede que as partículas carregadas entrem. Mas se forem muito fortes, podem atingir esta camada da atmosfera e causar um blecaute nas comunicações via ondas curtas
 A atividade solar obedece a ciclos de 11 anos. Cada um deles vai de um período de atividade máxima até chegar a um de atividade mínima. Atualmente, o Sol está praticamente inativo, o que pode ser comprovado pela aparência do astro, que se encontra quase sem manchas. Há seis anos, foi observada uma grande movimentação solar.
Naquela época, cada explosão poderia movimentar bilhões de megatons em energia. A próxima época de grande atividade está prevista para o ano 2012, de acordo com os especialistas no assunto.
Mas apesar de tanta energia proveniente do Sol, não se pode dizer que uma explosão possa acarretar aumento de temperatura na Terra. Como nem tudo são certezas nesta área da Astronomia, em 2007 foi enviado o satélite Stereo, cuja função primordial é ajudar no estudo da origem das explosões. Pois, por enquanto, só se sabe que elas têm a ver com alterações o campo magnético solar. Leia mais sobre: Sol

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: